Ushuaia ao Alaska Entrevista com Flavio Kenup foi com uma moto Scooter 100 cc ate o Alaska

Google GmailGoogle+Share




Viajar de moto por longas distâncias, sozinho, exige motivação, determinação, planejamento, um pouco de coragem, dinheiro e uma moto potente e confortável, correto? Nem tudo. Determinação, planejamento e um pouco de coragem pode até ser, mas dinheiro e moto potente e confortável, nem sempre.

É o que prova o motociclista Flávio Kenup. Em Dezembro de 2005, ele realizou com grande sucesso a sua primeira aventura, quando foi de Teresópolis no Rio de Janeiro até a Terra do Fogo – Ushuaia, depois de atravessar países como o Uruguai, Argentina, Chile e Paraguai em uma Honda Biz, rodando 15.000 km em 45 dias. Agora, durante oito meses e meio entre 2007 e 2008 ele percorreu 57.000 km de estradas de 14 países até o Alaska com uma motocicleta Traxx Sky de 110cc.

Segundo Flávio Kenup, motivos especiais o levaram a este desafio: “realização pessoal e o intercambio cultural e social, mostrar que motocicletas de baixa cilindrada têm condições de realizar grandes travessias e por fim e não menos importante, levar a bandeira do Brasil até o Alaska no ano em que acontecem os jogos Pan Americanos”

Ele saiu de Teresópolis no Rio de Janeiro e seguiu para São Paulo e Mato Grosso do Sul, no Brasil. Saindo do Brasil, Flávio passou pela costa oeste da América do Sul, passando por Bolívia, Peru, Equador e Colômbia. Na América Central, percorreu as estradas do Panamá, Costa Rica, Nicarágua, Honduras, El Salvador e Guatemala. Depois, subiu a costa oeste da América do Norte até o Alaska, passando pelo México, Estados Unidos. Sua volta foi feita cruzando toda a extensão do Canadá até a costa leste. Em seguida, desceu a costa leste dos Estados Unidos, passando por Boston, New York, New Orleans e chegando ao México. A chegada ao Brasil foi por Roraima, depois Pará, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Bahia, Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Flávio Kenup quer entrar para história e registrar sua aventura no livro dos recordes mundiais “Guiness Book”, sendo o primeiro a realizar uma viagem longa em cima de uma moto de com baixa cilindrada, já que a primeira viagem que consta teria sido de 20 mil km, saindo de São Leopoldo no Rio Grande do Sul a San Diego na Califórnia, porém sempre com um carro apoio ao lado. Já Flávio fez seu percurso sozinho, sem ninguém para auxiliá-lo.
1- parte

2-Parte

3-Parte

Google GmailGoogle+Share